Poucos segmentos da economia brasileira têm alcançado, nos últimos anos, a movimentação e a valorização registrados no mercado imobiliário, seja na oferta de espaços comerciais, seja no oferecimento de unidades residenciais. E o desempenho da Queiroz Galvão Desenvolvimento Imobiliário (QGDI) mostra que o Grupo vai muito bem na área, tendo atingido em 2013 um patamar de R$ 1,5 bilhão em lançamentos e de R$ 1,4 bilhão em vendas contratadas. O volume lançado no mercado, de 2011 para 2013, registrou expansão de 70% e, nas vendas, de 61%. A QGDI atua nos mercados de Pernambuco, Rio de Janeiro, Bahia, São Paulo e no Distrito Federal.

Em 2013, Pernambuco, estado-sede da QGDI, recebeu vários lançamentos direcionados a diversos segmentos de clientes. Um dos projetos mais interessantes foi apresentado em dezembro: o Latitude Suape, um complexo corporativo, comercial e de serviços, localizado na Zona Central de Serviços de Suape. Serão dez torres empresariais, um hotel, um mall e a nova sede administrativa do Complexo Industrial Portuário de Suape. O investimento total será de R$ 500 milhões. A Zona Sul da capital, Recife, receberá o Edifício Maria Emília, cujo lançamento foi anunciado em abril. Projetado para famílias jovens, que valorizam a modernidade, a praticidade e o conforto (dentro do conceito Urban Living, categoria de empreendimento à qual o Maria Emília pertence), o prédio oferece apartamentos de dois e três quartos.

A busca da QGDI por projetos inovadores e sustentáveis (tanto do ponto de vista econômico quanto do socioambiental) foi reconhecida com diversos prêmios em 2013.

Registrou-se ainda um importante prêmio espontâneo recebido da revista Consumidor Moderno em parceria com a Shopper Experience: a QGDI foi escolhida como "A empresa que mais respeita o consumidor" no segmento construtivo, reconhecimento prestado por uma carteira que chegou, em 2013, à marca de 16 mil clientes.